10 benefícios da amêndoa para a sua saúde

Escrito por Carol Kirsch

Foto: iStock

Embora considerada por muitos uma castanha, a amêndoa se trata, na realidade, de uma semente. E, tal qual, é abundante em nutrientes e óleos essenciais, tornando-se uma grande aliada da sua saúde. Se as sementes são a base para o crescimento de uma planta, imagine o tanto de nutrientes que elas concentram?

Por isso, é muito válido incluir amêndoas no nosso cardápio, o que não é, exatamente, uma tarefa difícil.

10 benefícios que vão te deixar com vontade de comer mais amêndoas

Foto: iStock


Mesmo pequeninas, as amêndoas apresentam benefícios que podem ser muito favoráveis ao funcionamento do nosso organismo. Abaixo, algumas das qualidades dessas sementinhas que, além de poderosas, têm um sabor delicioso:

1. São riquíssimas em nutrientes

Muitas pessoas evitam o consumo de sementes e castanhas pelo seu valor energético (calórico) elevado e pelo seu alto percentual de gorduras. Ledo engano! Todas elas, com destaque para as amêndoas, promovem saciedade, são riquíssimas em nutrientes e seus óleos são benéficos, auxiliando inclusive na redução do colesterol e no emagrecimento.

1 xícara de amêndoas contém (1):

  • 824 calorias;
  • 72.9 g de gordura;
  • 26.6 g de carboidratos (sendo 16.3 g de fibras);
  • 30.5 g de proteína;
  • 179 % da necessidade diária de vitamina E;
  • 70 % da necessidade diária de riboflavina;
  • 37 % da necessidade diária de cálcio;
  • 99 % da necessidade diária de magnésio;
  • 67 % da necessidade diária de fósforo;
  • 81 % da necessidade diária de cobre;
  • 181 % da necessidade diária de manganês.

2. Te deixam mais bonito(a)

Graças a suas propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes e seu alto poder hidratante, o óleo de amêndoas tem sido usado desde os tempos mais antigos, pela medicina chinesa, pela Ayurveda e pela medicina greco-persa.

Esse óleo era – e ainda é – utilizado como tratamento para problemas de pele, tais como psoríase e eczemas, e como cicatrizante pós-operatório. Suas propriedades emolientes também fazem com que ele ajude a evitar a perda de água, tornando-o um excelente aliado da hidratação da pele, do cabelo e do couro cabeludo. (2, 3).

Por reduzir a inflamação de todo o corpo, graça a seus óleos essenciais, o consumo das amêndoas também pode auxiliar na redução da celulite. Estudos apontam, ainda, que o uso cosmético do óleo de amêndoas pode suavizar estrias e reduzir a chance do aparecimento de novas marcas.

E mais: graças à abundância em vitamina E, ele ainda ajuda a combater os efeitos nocivos dos raios solares (4).

3. Ajudam a controlar os níveis de colesterol

Ricas em “gorduras do bem”, as amêndoas têm o poder de auxiliar no aumento do HDL (o chamado “bom colesterol”), o que permite que o organismo elimine o LDL (o “mau colesterol”) (5).

4. São aliadas no controle da diabetes

O consumo de amêndoas (e especialmente do óleo) pode ajudar a elevação da glicose e da insulina após as refeições, o que protege o diabético dos perigosos picos de açúcar no sangue. Isso acontece porque elas ajudam a regular a absorção da glicose, fazendo este processo mais lento e, consequentemente, mais seguro. Além disso, estudos apontam que o consumo frequente destas sementes também pode reduzir o risco de problemas cardiovasculares nos portadores da doença (67).

Estudos apontam ainda que, ao substituir carboidratos por gorduras insaturadas, o organismo tende a manter os níveis de açúcar mais baixos e promover uma maior resistência à insulina, o que torna as amêndoas um excelente substituto das frutas e biscoitos na alimentação dos diabéticos – e até mesmo de quem busca controlar o peso ou a fome (8).

5. Ajudam a fortalecer ossos, dentes, unhas e cabelos

Dentre o apanhado de vitaminas e minerais essenciais abundantes nas amêndoas, o fósforo tem destaque especial. E ele, assim como o cálcio, é excelente para o fortalecimento de ossos, dentes, unhas e cabelos. Ajuda, inclusive, a combater doenças como a osteoporose.

6. Cuidam da saúde do seu coração

A combinação de gorduras monoinsaturadas, proteínas, vitaminas e minerais presente nas amêndoas é uma grande aliada do seu sistema cardiovascular. Isso acontece, em especial, porque o consumo de gorduras monoinsaturadas aumenta o HDL (o “bom colesterol”), que tem a capacidade de levar o “mau colesterol” para fora das artérias e transportá-lo para o fígado, onde ele é eliminado do organismo.

Além disso, as amêndoas ainda são ricas em vitamina E, um poderoso antioxidante que protege as células ao combater os radicais livres, evitando danos oxidativos que estão associados a uma série de doenças crônicas, incluindo o câncer e doenças cardíacas (9, 10, 11, 1213).

7. Fortalecem seu sistema imunológico

Se você está buscando fortalecer seu organismo para evitar doenças, incluir amêndoas no seu cardápio é uma boa opção! Elas são abundantes em vitamina E, que, ao combater os radicais livres, ajuda a manter seu organismo fortalecido e menos suscetível a doenças.

8. São aliadas da gravidez

As amêndoas contêm ácido fólico, conhecido por ser indispensável durante a gravidez, já que sua presença no organismo reduz as chances de malformações congênitas. Assim, o consumo diário de um punhado de amêndoas é pode, sim, ser benéfico para a saúde da mãe e do bebê.

9. Te enchem de energia

A grande presença de manganês, cobre e riboflavina nas amêndoas ajuda a dar mais energia e a acelerar o metabolismo, além de te deixar mais satisfeito por mais tempo do que consumindo alguma bebida ou alimento ricos com açúcares, o que te deixa com fome mais rápido.

10. Melhoram a sua digestão

Por serem ricas em fibras, as amêndoas auxiliam na digestão e ajudam a prevenir a constipação, quando consumidas acompanhadas de uma quantidade adequada de líquido.

E como consumi-las?

Foto: iStock

Além da semente in natura ou torrada, você pode encontrar as amêndoas processadas como óleo, leite, manteiga, farinha, e como ingrediente de granolas, bolos, biscoitos… Vamos conferir algumas maneiras de incluir essa sementinha poderosa no seu dia a dia?

Amêndoas in natura

Muito versáteis, as amêndoas in natura caem bem com pratos doces, salgados, quentes e frios. Embora sejam um lanche prático ao serem consumidas purinhas, elas também podem compor o seu cardápio de diversas outras formas:

  • Combinadas com outras sementes e castanhas;
  • Como ingrediente de vitaminas;
  • Sobre panquecas, bolos ou iogurtes;
  • Trituradas como farinha, para compor pratos lowcarb e saborosíssimos;
  • Como ingrediente de sobremesas saudáveis, como pudding de chia ou parfait de iogurte;
  • Para finalizar sopas ou saladas, em vez de croutons ou queijo ralado.
  • Óleo de amêndoas

    Geralmente feito de uma espécie de amêndoa diferente das que costumamos comer, o óleo de amêndoas é muito mais conhecido no Brasil como cosmético, mas também pode ser encontrado na versão culinária.

    Suave e saboroso, ele não só concentra praticamente todos os benefícios da semente consumida in natura, como também potencializa alguns dos seus efeitos benéficos, tais como o controle do colesterol e o combate aos radicais livres, prevenindo o envelhecimento e até mesmo doenças como o câncer (14).

    Independente de como você escolha consumir o óleo – seja como cosmético ou na cozinha -, ele é um excelente aliado da sua saúde. Confira algumas maneiras de utilizá-lo:

    • Como molho para salada: puro ou combinado com vinagre e ervas.
    • Substituindo o azeite de oliva: para finalizar massas ou legumes assados.
    • Como tempero: para conferir um sabor aveludado em pratos doces ou salgados.
    • Como hidratante: tanto para peles secas quanto para peles oleosas, bem como para o cabelo.
    • Como pomada: para regiões ressecadas, como lábios e calcanhares, auxiliando na regeneração das células e prevenindo inflamações.
    • Como demaquilante: puro ou na forma de óleo bifásico, combinado com soro fisiológico ou chá verde.

    Manteiga de amêndoas

    Saborosa e densa em nutrientes, a manteiga de amêndoas (ou pasta de amêndoas) não é um ingrediente muito popular no Brasil, mas que vale a pena experimentar!

    Seja cobrindo pães ou biscoitos, seja acompanhando frutas, na composição de bolos ou doces em versões mais saudáveis, ela concentra muitos benefícios à saúde, além de muito sabor!

    Pode ser encontrada em casas de produtos naturais, mas também pode ser feita em casa a partir do processamento das sementes. Você encontra facilmente uma série de receitas na internet.

    Leite de amêndoas

    Além de saboroso, o leite de amêndoas é muito mais nutritivo do que o leite de vaca. De sabor suave e textura agradável, ele pode ser bebido puro ou substituir o leite tradicional em achocolatados, vitaminas, receitas ou acompanhando o café.

    Embora seja encontrado em muitos supermercados, é facilmente preparado em casa e pode, ainda, ser combinado com outros leites vegetais a fim de diversificar o sabor e ampliar ainda mais a gama de nutrientes. Para adoçá-lo um pouco mais, experimente incluir algumas passas brancas no preparo. Fica uma delícia!

    Existe contraindicação?

    Foto: iStock

    Assim como acontece com as sementes e oleaginosas em geral, pode ocorrer, em alguns casos, alergia às amêndoas. Além disso, elas são ricas em oxalatos, componentes que, em excesso, podem ser prejudiciais à saúde, em especial de pessoas com problemas no fígado. Na dúvida, consuma com moderação ou consulte seu médico!