Conheça os benefícios da abóbora para a sua saúde

Foto: iStock

A abóbora é o principal ingrediente de um doce caseiro, daquele tipo feito pelas avós, com açúcar e cravo. Ou pode fazer parte daquela sopa quentinha e revigorante, ótima refeição para os dias mais frios. Ainda é possível utilizá-la para fazer pães, saladas, purês, nhoques, quibe vegetariano, entre outras diversas preparações.

Existe uma grande variedade de abóboras, com diferentes formatos e tamanhos para todos os gostos. Um dos pontos mais positivos é a facilidade de encontrá-las nos supermercados ou nas feiras livres.

Mas, além de tudo isso, os benefícios da abóbora são diversos e fazem muito bem para a saúde. O alimento tem baixa caloria e é rico em diversos nutrientes.

5 incríveis benefícios da abóbora

Imagem: Pense Natural

Ao contrário do que se possa pensar, a abóbora não é um vegetal, mas um fruto da mesma família do melão e do pepino. Geralmente, todas as partes dela podem ser consumidas, como casca, polpa e sementes.

Abaixo, confira 5 benefícios da abóbora para a sua saúde:

1. É muito nutritiva

A abóbora é um alimento de alta densidade nutritiva, pois contém poucas calorias, mas muitas vitaminas, minerais e água. Cerca de 100 gramas desse fruto fornecem 20 kcal, 93 gramas de água, 0,7 gramas de proteína e 1 grama de fibras (1).

Ela também tem boas quantidades de minerais como cálcio, fósforo, magnésio e potássio, e de vitamina C, E e A. Outro destaque nutricional da abóbora é com relação ao betacaroteno, um antioxidante importante para o organismo.

2. Auxilia o funcionamento do metabolismo

Consumir alimentos ricos em betacaroteno, como a abóbora, pode auxiliar o funcionamento do metabolismo e reduzir as chances de desenvolver síndrome metabólica (2).

Associada ao sedentarismo e má alimentação, esse problema tem como característica resistência à insulina, hormônio fundamental para manter o nível adequado de açúcar no sangue. A síndrome metabólica aumenta o risco de doenças cardiovasculares e de diabetes.

3. Pode melhorar a imunidade

A vitamina A, também presente na abóbora, vem sendo investigada pela capacidade de ajudar as defesas do organismo a proteger o corpo contra doenças (3).

Um estudo mostrou que essa substância está relacionada com a boa saúde da mucosa e da flora intestinal, auxiliando o intestino a absorver os nutrientes e a fortalecer a imunidade (4).

Vitamina C e E também são outros nutrientes presentes na abóbora que melhoram o sistema imunológico do organismo, o que, consequentemente, pode evitar o surgimento de doenças (5).

4. Faz bem para a saúde dos olhos

Por conta da abundância de vitaminas, minerais e antioxidantes, a abóbora também traz benefícios para a saúde dos olhos.

Uma pesquisa procurou avaliar os efeitos da suplementação de zinco, do betacaroteno e das vitaminas A, C e E em pessoas com degeneração macular em decorrência da idade. Os pesquisadores constataram que essas substâncias podem diminuir a progressão da doença (6).

No entanto, uma forma natural de obter esses nutrientes é por meio da alimentação, e eles estão presentes na abóbora!

5. E da pele também

Por fim, os antioxidantes e vitaminas encontrados na abóbora são importantes também para a saúde da pele, especialmente o betacaroteno.

Essa substância atua de forma a proteger a pele dos danos causados pela exposição ao sol. Além disso, o consumo de alimentos ricos em betacaroteno pode melhorar a aparência e a textura da pele (7).

Os diferentes tipos de abóbora

Foto: iStock

É possível obter todos os benefícios da abóbora citados acima em seus diferentes tipos. As mais fáceis de serem encontradas nos mercados e nas feiras são as conhecidas como abóbora pescoço, moranga e italiana.

A primeira tem uma coloração verde alaranjada e pode chegar a 15 quilos. Ela é ideal para a preparação de doces, mas também pode ser usada para pães e massas. Já a moranga é predominantemente de tom alaranjado e arredondada, muito utilizada para a famosa receita de camarão na moranga.

Por sua vez, a abóbora italiana tem uma casca verde e fina. O formato é semelhante ao da berinjela e ela pode ser consumida grelhada ou ralada. Uma boa dica é cortá-la em fatias e utilizá-la no lugar da massa tradicional na lasanha.

Libanesa, japonesa (ou cabotiá), paulista e menina brasileira são outros tipos de abóboras que podem ser encontradas.

Semente de abóbora: mais benefícios para você

Foto: iStock

Como dito, todas as partes da abóbora podem ser consumidas. E, principalmente, as sementes proporcionam ainda mais benefícios para a saúde. Elas são ricas em substâncias como:

Antioxidantes

Assim como a polpa, as sementes de abóbora são ricas em antioxidantes como os carotenoides e a vitamina E. O óleo feito a partir delas também contém essas substâncias, que trazem benefícios para a saúde (8).

Os antioxidantes são importantes para o organismo, pois protegem as células contra os danos causados pelo excesso de radicais livres no corpo e que são responsáveis por uma série de problemas.

Assim, consumir alimentos com essas substâncias auxilia as defesas do organismo contra diversas doenças (9).

Magnésio

O magnésio também é outra substância importante para o corpo e que está presente nas sementes de abóbora. Esse mineral participa de uma série de processos químicos no organismo.

Ele está associado à redução do risco de doença cardíaca, à formação e manutenção da saúde dos ossos, ao controle da pressão sanguínea e dos níveis de açúcar no sangue (10, 11, 12, 13, 14).

Fibras

Muito nutritiva, as sementes de abóbora são fonte abundante de fibras. Aproximadamente 100 gramas delas têm 3,6 gramas de fibras.

Uma alimentação rica em fibras é essencial para o bom funcionamento do sistema digestivo e está associada ao menor risco de desenvolver obesidade, doença do coração e diabetes do tipo 2 (15).

Fique atento quanto ao consumo

Foto: iStock

Para obter todos os benefícios da abóbora e suas sementes, é importante ter atenção a algumas dicas para o consumo. Em primeiro lugar, dê preferência às variedades orgânicas, que são livres de agrotóxicos.

Abóboras maduras são bem firmes e apresentam uma casca opaca. Evite comprar aquelas que têm furos ou rachaduras, pois isso indica que elas podem estar podres por dentro.

Embora as sementes sejam próprias para consumo, elas podem causar reações alérgicas em algumas pessoas. Se você sentir coceira, irritação na garganta, tossir demais ou sentir falta de ar ao comê-las, procure um médico e evite esse alimento.